delírios em espiral

Porque saber delirar é uma arte. eu que o digo até porque por breves relances consegui mover-me por tentáculos e intermitências… tudo era desculpa, tudo era fome de um desejo perdido. voltamos à infância!

isso… deixa-te lançar as feras! Cobre-te dessas ilusões que tão bem crias. isso isso… anda.

se ao menos conseguisse pensar sozinho… vou fugir! sim. fui.

foge foge que te agarro…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s